29 de agosto de 2014

Um Menino e Um certo Pé de Laranja Lima

Olá Olá Pessoal! Vocês já devem ter percebido que hoje eu vou falar de um livro, O Meu Pé de Laranja Lima de José Mauro de Vasconcelos. Como certeza (ou não) vocês já devem ter ouvido, esse nome por ai. Eu digo isso, por que o livro já foi adaptado, para novela e para filme (vale a pena dá uma olhada). E assim já faz um tempinho que eu li este livro, e já era pra mim ter falado dele aqui no blog, eu até postei uma foto dele na FanPage, mas ai eu fiquei enrolando, até toma vergonha na cara e vim falar dele pra vocês. Então vamos lá, ahhh e mais uma coisinha está é a primeira vez que falo de um livro aqui no blog, e estou super nervosa, então quero deixar bem claro à minha opinião sobre o livro, e o que eu senti quando o li. Então vamos logo, que os meus dedos então começando à formigar de tanta coisa que, quero falar. 
 O Livro retrata a vida de um menininho de 5 anos chamado Zezé, que vive numa família muito pobre e grande. Zezé morava com seu pai que era desempregado, sua mãe que trabalhava numa fábrica e com mais quatro irmãos, que eram: Luís (a quem ele chamava de Rei Luiz), Totoca (o irmão mais velho), Godóia ( sempre protegia Zezé dos castigos) e Jandira (a irmã mais velha).
Quando eu vi este livro pela primeira vez, achei que ele fosse um livro de criança mesmo, que só falava das coisas boas da infância, sobre todo aquele mundo de fantasia que tanto nos contagia, mas não, ( nunca julgue um livro pela capa)! Ele é quase o inverso disso. Existe sim aquele mundo de criança, que tanto amamos, mas talvez por causa das condições em que família vivia, isso ficasse um pouco de lado. Eu disse um pouco, não completamente! 

O Meu Pé de Laranja Lima, é um livro infantil, que com certeza pessoas de qualquer idade podem ler. Não importa à idade o que importa, é sentir e ouvir, o que esse livro tem à nos ensinar.

Zezé é um menininho lindo, fofo, carinhoso, inteligente, esperto, sonhador, sensível, sincero e o "capeta" pessoa. Isso tudo e mais um pouco. Com apenas 5 anos já aprendeu à ler, antes mesmo de entrar na escola. Zezé é um xodó de gente, que expira e inspira amor e muitas risadas, com às suas travessuras. E si vocês estão achando que só por que ele é criança, e não sabe nada da vida, pois lhes digo, que estão muito enganados. Zezé diz coisas que nem mesmo os maiores sábios de todos os tempos, conseguiram ou conseguiriam dizer. Zezé tem um desejo de descobrir coisas, e principalmente aprender palavras difíceis, que fazem ele se sentir mais inteligente. O que mais me chamou à atenção no Zezé, é o modo como ele fala, com uma ternura e sinceridade inexplicáveis, que somente às crianças conseguiriam dizer.

 -Semana que vem, o senhor acha que eu já cresci?...
Uma das coisas que o Zezé mais ama, nessa vida é o seu amigo Minguinho (Pé de Laranja Lima), onde ele desabafa contando todos os seus segredos e medos. Onde ele si imagina em cima de um cavalinho branco, vivendo aventuras mundo afora, ao lado dos seus maiores ídolos Fred Thompsom, Buck Jones ect... como nos filmes de faroeste, que tanto ama. E onde, é em Minguinho, que Zezé encontra à fantasia de um mundo, onde possa ter à alegria de viver. Não tem como, não se apaixonar, por esse menino que tão cedo aprendeu a lidar com à vida e suas dificuldades. Mas, que mesmo assim, nunca deixou de sonhar.

-A vida sem ternura, não é lá grande coisa.

Tirando o Minguinho, Zezé tem mais duas pessoas que ama muito. Eles são, seu irmão mais novo Luís, que Zezé sempre o chama de Rei Luís. E o Portuga, que no começo Zezé não foi muito com à cara, mas depois essa má expressão ficou para trás.
Eu acredito que O Meu Pé de Laranja Lima, não é um livro qualquer, que se deve ler só com os olhos. Mas que si dever ler, principalmente com o coração. Que você possa sentir, tudo o que esse livro tem à oferecer, tudo o que ele tem de bom, à nos ensinar sobre à vida, pelo olhar de uma criança. Sinta o que esse livro transmite, todo o amor, ternura e sofrimento, que existe nessa páginas. Tenho certeza que você vai se apaixonar, por este livro e, pelo Zezé. Não fique surpreso, se cair uma lágrima dos seus olhos. Por que ele consegue nos emocionar, de um modo que você nem percebe, com uma simplicidade sem exageros. 

Matar não quer dizer, pegar o revólver de Buck Jones e fazer Bum! não é isso. A gente mata no coração. Vai deixando de querer bem. E um dia a pessoa morre.

Com certeza O Meu Pé de Laranja Lima, é um livro, que eu sempre vou lembar com carinho. E que com certeza, foi um dos melhores livros, que eu já li em toda mina vida. Zezé já si tornou, um dos meus personagens favoritos, que mais amo. O seu jeito pestinha de ser, e o modo que vê à vida me cativaram. E que com certeza vão ficar na minha memória, mas principalmente no meu coração.


Titulo: Meu Pé de Laranja  Lima
Autor: José Mauro de Vasconcelos
Editora: Melhoramentos
Páginas: 192



E ai gente gostaram? Já leram? Vão ler? Quero saber, me contem.*--*
Muito Obrigado.
Até à próxima.